segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

TUV 1954: BRILHOU A TORCIDA UNIFORMIZADA

Dentre as coisas boas que houve domingo no Maracanã, a brilhante atuação do Vasco, a espetacular exibição da Banda de Fuzileiros Navais e a saudação ao público feito pelos famosos Capas Negras de Coimbra.
A estréia da Torcida Uniformizada do Vasco merece também um lugar de relevo. 
Desde cedo, centenas de adeptos do grêmio da colina, devidamente uniformizados, calça branca, camisa branca com gola e punhos pretos, boné branco, se agruparam do lado direito da tribuna de honra e devidamente sincronizadas incentivando os jogadores Vascaínos nas duas vitórias que obtiveram sobre o Botafogo (aspirante e profissionais).
Como número extra, a Torcida Uniformizada teve um gesto simpático saudado a imprensa, como se pode ver na foto, quando a determinada ordem de comando, treze torcedores ergueram um painel com uma letra que, reunidas formavam a frase: “Salve a Imprensa “. Foi a primeira grande demonstração dada pela Torcida Uniformizada Cruzmaltina, estando de parabéns o seu patrono Álvaro Ramos, pelo sucesso alcançado.
Fonte: O Jornal 22 de Setembro de 1954    

TUV O Jornal 1954

domingo, 21 de janeiro de 2018

PIRATAS DA SERRA 1987: HISTÓRIA

A primeira Torcida Organizada do Vasco em Nova Friburgo se chamava Piratas da Serra, que foi Fundada em 1987.
Numa iniciativa de Ademir Junior que foi Presidente de 1991 a 1992 e do amigo Nildo em 1992 decidiram acabar com a Piratas da Serra e fundar uma Família da FJV em Friburgo. 
Em 09 de Outubro de 1992 a Piratas da Serra passou a ser uma Família da FJV em Friburgo (15ª Família).

Piratas da Serra década de 1990

Piratas da Serra década de 1990

Piratas da Serra década de 1990

Piratas da Serra década de 1990

Piratas da Serra década de 1990

Piratas da Serra década de 1990

Piratas da Serra década de 1990

sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

FEMININA CAMISA 12 1984: ANIVERSÁRIO DE 11 ANOS DA CAMISA 12

Como acontece há 11 anos, a Torcida Feminina Camisa 12 do Vasco, no Jornal dos Sports, o seu aniversário de fundação, o 11º, com uma Festa ao melhor estilo, em que não faltaram os refrigerantes e o bolo. 
E, desta vez, a Festa foi ainda mais animada pela presença do ídolo Roberto Dinamite, que partiu o bolo, justamente com Iara Barros, Chefe da Torcida e a sua principal incentivadora.
Da Festa participaram torcedores, funcionários do JS e inúmeros convidados, entre o vice Presidente de Esportes Aquáticos do Vasco, Fernando Costa, que representou o Presidente Antônio Soares Calçada, impedido de comparecer por motivos particulares.
Durante as comemorações foram entregues diplomas, medalhas e cartões de prata aos colaboradores da Camisa 12 em especial ao Presidente Antônio Soares Calçada, que tem ajudado não apenas a Torcida de Iara Barros, mas a todas as demais facções da galera Vascaína.
Foram ainda homenageadas diversas mães Vascaínas, D. Lila Gomes, mãe da Camisa 12, D. Lena, mãe da Tov, D. Maria Amélia, mãe da Diretoria do Vasco, mãe do Departamento Infanto-Juvenil do Vasco, D. Thereza Braga, a mãe hors-concours.
Emocionado com a Festa e com as homenagens que recebeu, Roberto Dinamite disse que só tinha uma maneira de retribuir todo o carinho da Torcida.
“Vou fazer tudo para dar o presente o título de Campeão Brasileiro.”
Daí, em diante, o resto foram aplausos e gritos de Casaca.
Fonte: Jornal dos Sports 11 de Maio de 1984

Feminina Camisa 12 11 Anos Jornal dos Sports 1984

quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

FORÇA JOVEM 1971: SHOW ATRÁS DO GOL

DEVER
Quero parabenizar a Força Jovem do Vasco. Realmente é uma força e esta dando um show lá atrás do gol. Incentivar nosso time é um dever, porque para criticá-lo já temos os adversários.
Marli de O. Pedroso, Jacarepaguá, Guanabara. (25/04)

DEVAGAR NÓS VAMOS LÁ
Torcida Vascaína, esteja descansada que nosso Presidente está fazendo aos poucos para melhorar nosso time. Está de parabéns toda a Torcida Força Jovem pelo brilhantismo e alegria que deram na Cidade de Passos, acompanhando nosso time que teve uma recepção de nossos irmãos Vascaínos mineiros que, pela grandeza, somente a nossa seleção teria. Chefe da Força Jovem, Sr Ely Mendes, continue sempre assim, trabalhando pelo sangue novo, que é isso que nosso Vasco precisa há muito.
Antônio Alberto Pires, Praça da Bandeira, Guanabara. (10/07)

O SONHO
Quero através dessa seção, enviar o meu abraço a todos que participam da Força Jovem do Vasco por tudo que fizeram por nosso clube, nesse triste Campeonato. Em todos os nossos jogos, lá estavam vocês dando calor apoio e carinho de uma verdadeira Torcida. Já vivo sonhando com o dia em que poderei fazer parte da mesma.
Maria Nazaré de Souza, Maceio, AL.
Maria Nazaré, o pessoal da Força Jovem do Vasco vai vibrar com essa adesão lá de Alagoas. (11/07)
Fonte: Jornal dos Sports 25 de Abril, 10 e 11 de Julho de 1971

Força Jovem Jornal dos Sports 1971

Força Jovem Jornal dos Sports 1971

Força Jovem Jornal dos Sports 1971

Vasco 1970


segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

TORCIDA DO VASCO 1938: UMA NOVA ERA PARA A TORCIDA VASCAÍNA

QUE TODOS CERREM FILEIRAS EM TORNO DO ESQUADRÃO DA CAMISA NEGRA, ESTA TARDE. FALAM OLYMPIO PIO E DE LUCCA.
Com os acontecimentos verificados por ocasião do encontro entre o América e o Vasco, surgiram versões segundo os quais os associados do Vasco haviam glorificado o segundo gol do América, prorompendo em entustasticas ovações, como uma manifestação hostil a diretoria.
Fomos, porém procurados pelos Srs João de Lucca e Olympio Pio, chefes da Torcida Vascaína.
Vinham solicitar-nos que fizesemos público o ponta de vista da Torcida da Cruz de Malta, em relação ao esquadrão Vascaíno.

A TORCIDA E A DIRETORIA VASCAÍNA
Disseram-nos os Srs De Lucca e Pio, que em absoluto, a Torcida Vascaína não se desgostou com o esquadrão em campo, tampouco com a diretoria. Somente manifestou-se contra a direção técnica, por ter treinado um team e colocado outro em campo. Afirmam-nos ainda aqueles dois rotulantes da hinchada Vascaína que contra a diretoria nada há de reclamar, pois acham que o Sr Pedro Novaes é o homem talhado para o alto cargo de que esta investido.
- Sabemos convitamente – disseram os maiores da Torcida Vascaína – e afirmamos, que o Sr Pedro Novaes não tem seu prestigioso nome ligado as ocorrências da noite de quinta feira. Não se desconhece, por outro lado, que S. S. procura colaborar com a direção técnica sem desiolhecimento, como de resto prova exsuberantemente com sua conduta de contratar elementos de cartaz para o melhor apuro do nosso esquadrão.

NOVA FRASE PARA A TORCIDA
A seguir, De Lucca, revela depositar irrestrita confiança nos seus comandados, sentenciando: - Estejam todos certos de que a família Cruzmaltina não se rendera em hipótese alguma, reunindo-se, mais do que nunca, para a vitória final na temporada que se encerra. Assistiremos de agora em diante – continua – a verdadeiros duelos de Torcida, nós que os Vascaínos não negarão seu dinamismo para o máximo estimulo aos seus pupilos.
E o encontro de hoje, com o Flamengo deve ser o ponto inicial. Todos os Vascaínos devem cerrar fileiras em torno de seus cracks incentivando-os, de molde a eles possam dar o máximo em favor do triunfo , disso e incontentável, da camisa negra, frente ao indiscutivelmente valoroso esquadrão, que é o do Flamengo.
Fonte: Jornal dos Sports 04 de Setembro de 1938

Torcida do Vasco Jornal dos Sports 1938

Torcida do Vasco Sport Ilustrado 1938

sábado, 13 de janeiro de 2018

PEQUENOS VASCAÍNOS 1988: TORCIDA LANÇA NOVA CAMISA

Viemos mais uma vez a esta conceituada coluna para promover o lançamento de nossas novas camisas. 
Bordadas em tecido de fio acrílico e fabricadas especialmente para nossa facção, elas podem ser encontradas nas lojas Gurilândia, Black Ball e outras do ramo. Ainda continuamos com nossa promoção de novos sócios.
Quem entrar para a Pequenos Vascaínos ganhará uma camisa da Torcida que mais cresce no Brasil. 
Para isto, basta nos procurar no Maracanã em dias de jogos, na Sala 322-B, com Cecília, Edson ou Lessa.
José de Souza, o Zeca, Presidente da Pequenos Vascaínos
Fonte: Jornal dos Sports 20 de Junho de 1988

Pequenos Vascaínos Jornal dos Sports 1988

Pequenos Vascaínos Maracanã 1988

Pequenos Vascaínos 1989

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

VASCARAÍ 1976: FUTEBOL VASCARAÍ X LASSAFLU

Através da coluna Bate-Bola, informo que o Expresso Vascaraí goleou o time da Lassaflu por 5 a 0, na noite de quinta feira, no Campo do Abel em Niterói.
A Vascaraí formou com Gilberto, Marco Aurélio, Vanderlei, Henrique, José Ricardo, Marcinho, Marquinho, Ronaldo, Gilson, Luís Ricardo e Chico.
Os gols foram marcados por Chico (2), José Ricardo (2) e Ronaldo.
Para estes dias a Vascaraí tentará promover um Campeonato de Torcidas Organizadas de Niterói.
Ronaldo Lima, Niteroí
Fonte: Jornal dos Sports 14 de Novembro de 1976


Vascaraí Jornal dos Sports 1976

Vascaraí São Januário 1976

Vascaraí São Januário 1977


quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

FORÇA JOVEM 1974: COBRANÇAS A DIRETORIA DO VASCO

Levamos ao conhecimento dos verdadeiros Vascaínos que realizamos, na noite de 28 de Maio, importante reunião de nossa Torcida, no sentido de exigirmos, a partir dessa data, uma posição dos homens que dirigem os destinos do Vasco com relação aos absurdos e falta de respeito a massa torcedora do Clube, que se acumulam há anos e anos, sob a complacência de todos os que passam pela diretoria. 
Assim sendo, até que tenhamos dentro de campo uma equipe de futebol decente e que realmente represente a altura o nome do glorioso Vasco da Gama, até que tenhamos homens que valorizem realmente aqueles que trabalham, e até que esta sofrida, mas sempre fiel Torcida mereça um tratamento compatível com o que ela sempre deu ao Clube, resolvemos que: não mais compareceremos aos Estádios com nossas bandeiras, que 90 minutos de silêncio serão feitos em cada jogo que recolheremos nossa bateria, e que decretamos luto na Torcida pela morte que estão querendo dar ao nosso Clube.
Força Jovem do Vasco
Fonte: Jornal dos Sports 04 de Junho de 1974

Força Jovem Jornal dos Sports 1974

Força Jovem Maracanã 1974

Força Jovem Maracanã 1974

quarta-feira, 10 de janeiro de 2018

TOV 1968: DULCE ROSALINA E JAIME DE CARVALHO

SÓ FLA E FLU
Jaime de Carvalho (Charanga Rubro Negra) vai assistir a Vasco x Botafogo, hoje a tarde, do ponto neutro das arquibancadas, recusando um convite de Dulce Rosalina para ficar na Torcida Organizada do Vasco.
Diplomáticamente, Jaime explicou por que é Vasco hoje:
- O Vasco luta há mais de 10 anos para ser campeão, ao passo que o Botafogo é campeão, e se for bi, lutaria de forma espetacular pelo tri. Seria mais difícil segurá-lo. Não quero menosprezar o Botafogo, mas só Fla e Flu devem manter a primazia de possuir Tricampeonatos. (09/03)

FLORES DO FLA
Jaime de Carvalho e Mário das Flores estiveram na Torcida Organizada do Vasco, domingo, Mário, por sinal, presentiou Dulce Rosalina com um buquê de flores de sua loja –Vitória Régia, do mercado, Dulce ficou muito contente e recomendou a um colaborador que as flores fossem depositadas diante da imagem de Nossa Senhora das Vitórias, na Capela de São Januário. (12/06)
Fonte: Jornal dos Sports 09 de Março e 12 de Junho de 1968

TOV Jornal dos Sports 1968

TOV Jornal dos Sports 1968

Vasco Maracanã 1968

terça-feira, 9 de janeiro de 2018

TOV 1953: VASCO, CAMPEÃO DE TORCIDAS

Dentre os principais títulos conquistados pelo C. R. Vasco da Gama nos Jogos Infantis de 1953, temos a destacar o de Campeão de Torcidas, a maior e mais alegre competição desta empolgante e sensacional Olimpíada Mirim, que teve na tarde de anteontem realizado seu último capítulo desportivo, e consequentemente o encerramento de todas as jornadas em que estiveram reunidos cerca de dez mil atletas mirins, defendendo as cores de suas agremiações, não só nas praças de desportos, como também, nas arquibancadas onde eram travados os mais sugestivos duelos.
Na competição de Torcidas o grêmio da Colina, desde as suas principais realizações, assumiu a liderança, para não mais ceder esta posição a nenhuma das agremiações participantes, chegando a seu término com uma boa margem de pontos sobre a segunda colocada que foi a representação do Fluminense. Os torcedores do Vasco, dezenas de vezes deram provas do quanto eram capazes e que estavam dispostos a conquistar esta galhardão máximo, como de fato e de direito o conquistaram. Os aficionados cruzmaltinos, dentro da mais férrea disciplina, foram durante todo o desenrolar desta alegre competição, que por sinal, se inicia no Desfile de Abertura e somente termina, com a realização da última peleja dos Jogos, responsáveis diretos pelos alegres ambientes de nossas praças de desportos, com seus gritos de guerra, os famosos, Casaca.

A VIBRAÇÃO E O ENTUSIASMO VASCAÍNO.
Numa das muitas vezes em que os torcedores do grêmio de São Januário puderam dar expansão a todo seu entusiasmo foi quando por ocasião das conquistas dos títulos máximos de voleibol feminino, conquistados no Ginásio do Instituto Nacional de Surdos e Mudos, onde fizeram um verdadeiro carnaval, após o término da peleja. A vibração e o entusiasmo dos aficionados do Vasco, foi algo de indescritível, transformando mesmo o Ginásio do INSM pequeno demais para conter toda aquela multidão vibrátil e entusiasta que afluiu no local. Por duas vezes estas manifestações de entusiasmo foram levadas a efeito.

EGLAIR, A CHEFE DA TORCIDA CAMPEÃ
Com eficiência, entusiasmo e muita dedicação, a Senhorita Eglair, filha do Diretor da Divisão da Educação Cívica, Albino de Souza Goulart, chefiou a Torcida Organizada do Vasco da Gama, que de forma brilhante conquistou o título máximo da mais interessante e empolgante competição dos Jogos Infantis de 1953. Soube conduzir seus comandados a vitória. Com esta conquista os Vascaínos sob a direção de Eglair, alcançaram um título dos mais expressivos nos Jogos de 1953 o de Campeão das Torcidas.
Fonte: Jornal dos Sports 18 de Junho de 1953

TOV Jornal dos Sports 1953

TOV Jornal dos Sports 1954

segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

FORÇA JOVEM 2018: FESTA DA 12 ANOS DA 52ª FAMÍLIA FJV FLORIDA USA

Aconteceu no dia 07 de Janeiro, o aniversário de 12 anos da 52ª Família FJV Flórida USA no Quiet Waters Park 401 S. Powerline Rd, Deerfield Beach FL 33442, USA.
Parabéns a todos os componentes da 52ª Família, que mesmo longe não deixaram de amar e incentivar o Vasco.
Sempre representando quando tem jogo do Brasil nos Estados Unidos, suas faixas e suas bandeiras são presenças garantidas.
No ano passado compareceram e deram show no Torneio da Flórida apoiando o Vasco o tempo todo.
Parabéns pelos 12 Anos.

Força Jovem Festa de 12 Anos da 52ª Família USA 2018

Força Jovem Festa de 12 Anos da 52ª Família USA 2018

Força Jovem Festa de 12 Anos da 52ª Família USA 2018

domingo, 7 de janeiro de 2018

IRA JOVEM 2018: PARABÉNS IRA JOVEM 12 ANOS

A Torcida Ira Jovem do Vasco comemora hoje, 07 de Janeiro, 12 anos de existência, são 12 Anos de Amor e Dedicação ao Vasco.
Parabéns a toda a Diretoria e a seus Componentes.
PELO VASCO, PARA O VASCO, COM O VASCOA CRUZ DE MALTA, LEVO NO PEITO, SOU IRA JOVEM, EU VISTO PRETO, IRA JOVEM VASCO....

Ira Jovem 12 Anos 2018

sábado, 6 de janeiro de 2018

FORÇA JOVEM 1991: 1º NÚCLEO (FAMÍLIA) MÉIER

Quero dar meus parabéns a todos os membros . O 1 Núcleo da Força Jovem, em especial ao monitor responsável pelo belo trabalho a frente do mesmo.
O 1º Núcleo da Força Jovem compreende os bairros do Méier e adjacências. Eles já contam com uma bela Sede com salão de festas, uma quadra de futebol de salão, uma piscina, etc. Espero que todos sigam o exemplo deles.
André Cocada, Bonsucesso, RJ (03/10)

PRIMEIRA FAMÍLIA
Primeira Família é o nome do novo Núcleo da Torcida Força Jovem do Vasco, no Méier. O grupo é extenso aos moradores locais e adjacentes. Estamos proporcionando aos antigos e novos associados várias atividades esportivas, como Torneio de Tênis de Mesa, Campeonato de Futebol de Salão e outras recreações, além de nos reunirmos, é claro, para irmos sempre em conjunto assistir aos jogos do Vasco onde quer que ele esteja atuando. Quem quiser se juntar a nós basta nos procurar na própria Sede do Núcleo, na Rua Souza Aguiar, nº 217, Méier, rio, RJ, ou no Estádio do Maracanã em dias de jogos do Vasco. Venha você também fazer parte de nossa Primeira Família Vascaína do Méier.
Carlos Bagulhão e Bacalhau, FJV, 1ª Família, Méier, RJ (22/11)
Fonte: Jornal dos Sports 03 de Outubro e 22 de Novembro de 1991

Força Jovem Jornal dos Sports 1991

Força Jovem Jornal dos Sports 1991

Força Jovem década de 1990

Força Jovem década de 1990



sexta-feira, 5 de janeiro de 2018

VASSUCESSO 1977: FUNDAÇÃO

Com uma grande alegria, junta-se as outras facções do Vascão, uma nova Torcida.
Ela recebeu o nome do Bairro em que se situa ou seja em Bonsucesso.
Torcida Vassucesso do Clube de Regatas Vasco da Gama.
Para os íntimos apenas Vassucesso. Fundada por, um grupo de rapazes que sabem como é bom o jogador ver que tem muitas bandeiras prestigiando-o.
Seus fundadores são: Ricardo, Célio, Ênio, Tubarão e Waldir, e nela ainda temos como prestigiador o pai do nosso camisa 2, Abel.
A Vassucesso já é grande só em saber que é Torcida do C. R. Vasco da Gama, mas não tão grande quanto a TOV, Força Jovem e outras facções, mas um dia chegaremos lá.
Quero convidar, a quem quiser participar da Torcida que nos procure no domingo ou então no Posto Coelho Esso que fica na Av. Democráticos com Rua Miguel Burnier, levando 2 retratos 3x4 e uns Cr$ 70,00 que é para a carteira e a camisa.
Tubarão RJ
Fonte: Jornal dos Sports 09 de Agosto de 1977

Vassucesso Jornal dos Sports 1977

Vassucesso Jornal dos Sports 1977

Vassucesso São Januário 1977

Vassucesso Maracanã 1979

quinta-feira, 4 de janeiro de 2018

FORÇA JOVEM E LEÕES VASCAÍNOS 1975: LIBERTADORES RUMO A COLÔMBIA

A Força Jovem, comandada por Ely Mendes, já está organizando a caravana que acompanhará o Vasco a Colômbia (Libertadores). 
A viagem em avião da Empresa Avianca, custará Cr$ 3.500,00 e terá dois planos de pagamento. Em dez parcelas ou em 20 vezes. 
Os interessados já podem procurar o encarregado dessas viagens, no Departamento de Troféus, em São Januário. (06/02)

APOIO NO AEROPORTO DO GALEÃO
Ely Mendes, representante da Força Jovem e Abílio Valente, pela Leões Vascaínos, estivem ontem de manhã, no Aeroporto do Galeão, onde foram levar seus incentivos ao time para obter sucesso em Medelin e Cáli. (07/03)
Fonte: Jornal dos Sports 06 de Fevereiro e 07 de Março de 1975

Força Jovem Jornal dos Sports 1975

Força Jovem Jornal dos Sports 1975

Força Jovem São Januário 1975

Força Jovem São Januário 1975

quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

TOV 1959: TORCEDORES QUEREM BELINI COMO CAPITÃO

Torcedores do Vasco, tendo a frente D. Dulce Rosalina, entregaram a Belini, a hora do embarque, um abaixo-assinado, com centenas de assinaturas, para que ele volte a figurar como capitão Cruzmaltino, Belini aceitou. 
O que resta saber, agora, é se Gradim que cansou de fazer apelos a Belini para que ele não deixasse o posto, está disposto a aceita-lo de volta....
Fonte: O Jornal 07 de Março de 1959

TOV Jornal dos Sports 1959

Vasco Revista Gazeta Esportiva

terça-feira, 2 de janeiro de 2018

TORCIDA DO VASCO 1938: SURGIRÁ A “ALA DA VICTÓRIA” PARA ANIMAR OS PLAYERS CONTRAPRODUCENTE O APUPO AO QUADRO QUE PERDE

Fala O Sr. Armando de Oliveira sobre a atitude da Torcida Vascaína.
A vaio sofrida pela aquipe Vascaína que enfrentou o América entristeceu.
Os próprios elementos autores da expansão mometanea estão arrependidos. Nem outra coisa era de esperar, pois cabe aos associados incentivar os seus jogadores, entusiasmando-os para a vitória. Pode-se afirmar sem dúvida, que os Vascaínos não repetirão mais as vaias de dois dias atraz, pois isso, longe de dar animo aos jogadores cada vez mais os enerva, tirando-lhes noventa por cento de produção técnica.
Ontem encontramos o Sr Armando Tavares de Oliveira um dos associados mais antigos do Vasco e que gosa de grande prestigio entre os seus associados.

VAMOS FORMAR A “ALA DA VICTÓRIA”
O Sr Armando Tavares de Oliveira, disse-nos.
- Não desejo lembrar os acontecimentos do encontro Vasco e América. O quadro Social do Vasco da Gama, deixa-se empolgar, pelo excesso de sentimentalismo. O grande amor que os associados do Vasco dedicam ao Club é a origem de muitos males. Não devemos apupar jogadores mesmo que estes estejam perdendo por grande score. O quadro de futebol animado pela assistência pode consignar muitos tentos em poucos minutos. Esse é um motivo forte que me levará a formar a “Ala da Victória”.
A cada ponto conseguido pelos adversários do Vasco da Gama uma expansão de entusiasmo passará pelas arquibancadas capaz de levar a nossa equipe a vitória.
Vaiar é tirar a eficiência de é revigorar as forças dos jogadores.
A “Ala da Victória” dará o campeonato de 1938 ao Vasco da Gama, afirmou o Sr Armando Tavares de Oliveira.
Fonte: Jornal dos Sports 27 de Agosto de 1938

Vasco Jornal dos Sports 1938

Vasco Jornal dos Sports 1938